O STORYTELING NA IMAGEM PROFISSIONAL


Notice: Undefined variable: pg_title in /home/thefashi/public_html/wp-content/themes/fashion_school_2.1/single.php on line 3

Artigos sobre moda

O STORYTELING NA IMAGEM PROFISSIONAL

O STORYTELING NA IMAGEM PROFISSIONAL

S1

O storytelling tem ganho muita relevância sobretudo na área do Marketing, onde face à massificação da publicidade, as empresas estão a optar por se diferenciarem através do testemunho da sua história. Depressa, quando uma empresa conta uma história de vida, os consumidores identificam-se, conectam-se e aproximam-se dela. As histórias são elos de ligação entre as pessoas. Sempre que contamos uma história não só captamos a atenção dessa pessoa como, também, ligamos essa pessoa à nossa vida. As empresas procuram o mesmo estabelecer pontos de confluência com o consumidor. Uma boa história explica qual a vantagem da presença da empresa na vida do consumidor. Gosto de transpor estas realidades no marketing para a moda. No fundo, cada criador com a sua coleção conta uma história, recria uma ou faz uma crítica a uma outra, enquanto que cada it girl ou a girl next door conta uma história quando adota um estilo ou constrói um look. É uma história subliminar que é contada através de peças de roupa. Mediante um look podemos aferir algumas características pessoais dessa mulher. Não quer dizer que a imagem venha a condizer de forma linear, mas que há características comuns que podemos deduzir, existem!

Exemplo: As mulheres com um estilo mais clássico, de uma forma geral, contam algumas características da sua personalidade, pela forma como vestem (vamos esquecer as que se adoptam este estilo por contingências profissionais), a saber: mais rígidas, mais organizadas, mais contidas, são meticulosas, gostam de dominar a situação….

Já uma mulher com um estilo marcadamente gótico tende a ser mais introspetiva, menos social e mais seletiva nas amizades, questiona as regras estabelecidas, tem ideias muito vincadas, etc….

Pessoalmente, gosto de brincar com a minha imagem. A triologia: Roupa/Cabelo/Makeup permitem, aliás,  a qualquer mulher, contar uma história diferente todos os dias. Um dia o nosso look conta a história de uma mulher romântica; no seguinte, a de uma mulher muito avant gard e de seguida, uma mulher muito fria e distante. É nesta elasticidade que a forma como jogamos com a nossa imagem pode ser interessante pelo poder que nos dá de transmitirmos a imagem projetada que queremos. Esta ideia pode ser transposta para o contexto profissional. Que imagem queres projetar? Que história queres contar de ti? Uma história de profissionalismo e credibilidade? Tu decides… Aqui reside o poder da linguagem não verbal, onde o vestuário se inclui. Estarás à altura do desafio? Alguma vez pensaste na tua imagem profissional e como a vestes? Fica lançado o repto para pensares que história profissional estás a contar aos teus colaboradores e clientes.

 

 

S6

 

 

S7

question marks

 

 

 

 

TERMINACAO_POST-2